Você está em: HomeNotícias

Parcelamento de débitos com o FGTS é possível?

Na atual crise econômica que se encontra o Brasil e frente a isso temos a elevada carga tributária, notei que muitas empresas não estão conseguindo efetuar o pagamento do FGTS aos seus colaboradores, o FGTS as vezes nem todo mundo sabe mas também pode ser parcelado. O processo não é muito simples porém existe. Primeiro passo: As competencias que […]

10 de novembro de 2018 às 9:48

Na atual crise econômica que se encontra o Brasil e frente a isso temos a elevada carga tributária, notei que muitas empresas não estão conseguindo efetuar o pagamento do FGTS aos seus colaboradores, o FGTS as vezes nem todo mundo sabe mas também pode ser parcelado. O processo não é muito simples porém existe.

Primeiro passo: As competencias que não foram depositas o FGTS, terá que ser reapresentado um GFIP na modallidade 09, informando lá todos os colaboradores que pertenciam a aquele movimento que será a confissão da dívida, feito isso em 02 (dois) ou 03 (três) dias o processamento desta GFIP se efetua.

Segundo passo: Com os debitos ora apresentados e confessados, através do Conectiviade ICP, o empregador pode solictiar junto a Caixa o parcelamento via ICP e o valor estará destacado no site da Caixa ja com correções, lá terá o valor da divida confessada e a quantidade de parcelas disponiveis.

Terceiro passo: Apos a efeitvação do parcelamento e o recohimento da guia há necessidade de se fazer uma GFIP de individualização sobre a guia recolhida, e assim será para cada guia que for recolhida uma GEFIP de individualização.

Ex: 10 parcelas, 10 GFIP’s de individualização.

A primeira guia do parcelamento so ICP permite que seja impresso no site mesmo, as demias devem ser emitdas junto a uma Agencia da Caixa (autalmente)

IMPORTANTE LEMBRAR QUE NÃO SE PODE DEIXAR DE RECOLHER 03 PARCELAS DO PARCELAMENTO, POIS O MESMO É SUSPENSO E INSCRITO EM DIVIDA ATIVA NA PGFN.

(Fonte: Fernando Pecini/www.contabeis.com.br)

Compartilhe:

Comentários:

Veja Também: